Lesão do Manguito Rotador

 

Manguito rotador é o nome dado ao conjunto dos tendões dos músculos subescapular, supra-espinal, infra-espinal e redondo menor, que recobrem a articulação do ombro, colaborando na estabilidade dinâmica da articulação e realizando toda a amplitude de movimento do ombro (auxiliado por tendões anexos). 
A lesão dos tendões do manguito rotador ocorrem principalmente por degeneração ao longo da vida do paciente, podendo também ocorrer por trauma sobre o ombro com ou sem outras lesões associadas. 
Veremos em um próximo post que pacientes acima dos 40 anos tem maior propensão de lesão do manguito rotador quando sofrem luxação do ombro.
A apresentação clínica é bastante variável, podendo ser desde apenas um ombro doloroso em algumas situações até o ombro constantemente doloroso e com impotência funcional.
O principal tendão afetado é o supra-espinal, seguido pelo subescapular e o infra-espinal. A diferenciação da lesão de cada um dos tendões pode ser realizada pela história e exame físico, e 
complementada pelos exames de imagem complementares, que podem ser a ultrassonografia (USG), tomografia computadorizada (TC) e a ressonância nuclear magnética (RNM).
A patologia/doença lesão do manguito rotador apresenta-se como um espectro que varia desde a tendinopatia (tendinite), passando pela lesão intra-substancial, lesão parcial até a ruptura (lesão transfixante) do tendão. Cada fase da doença deve ser tratada diferentemente pelo ortopedista.

© 2016 by Dr. Frederico Lafraia Lobo

Dr. Frederico L. Lobo

Ombro e Cotovelo

  • Facebook Clean Grey